Hérnia de Disco tem Salvação!

19 ago

hernia de disco

Sim. Hérnia de disco não traumática tem cura e a melhora acontece, na maioria das vezes, espontaneamente. 31 estudos avaliaram o histórico natural de lesões do disco lombar e documentaram o fato de que estas lesões de disco podem se tornar menores ou são completamente resolvidas em curto prazo, comprovando a cura por tomografia computadorizada e ressonância magnética.

A hérnia de disco intervertebral lombar é uma das causas mais frequentes de dores nas costas. Altamente incapacitante em sua fase aguda, a lombalgia é líder na lista de absenteísmo em escritórios e já conquistou o status de epidemia do mundo contemporâneo a algum tempo.

A estabilidade da coluna lombar não depende apenas da morfologia da coluna ou do tônus da musculatura postural, mas do correto funcionamento do sistema neuromuscular. Portanto, se a estrutura da coluna lombar está comprometida, o sistema adapta-se para fornecer estabilidade dinâmica à coluna.  Essa é a chave para a resolução do problema.

Porém, quando o sistema nervoso não consegue responder à instabilidade, a dor se torna crônica e a cura não ocorre naturalmente. Neste caso o sistema precisa ser “reprogramado”.

O tratamento conservador – anti-inflamatórios, exercícios, fisioterapia – ajudam na resolução do problema,  mas antes alguns paradigmas precisam ser revistos:

  • “Dor = Lesão”

A dor não está diretamente relacionada à hérnia, mas a desequilíbrios que levaram eventualmente à ela.

  • “Eu sinto que não posso confiar em minhas costas.”

Você deve confiar em suas costas. A redução na mobilidade é parte do problema, nunca da solução.

  • “Dor nas costas requer repouso”.

Dor nas costas não requer repouso, mas movimento e carga gradual.

  • “É perigoso dobrar a coluna”

Não só é seguro como necessário. A coluna deve mover-se em todos os planos de movimento.

  • Jogar, brincar e mover-se não é seguro.

Na realidade, atividades físicas de caráter lúdico, pela sua imprevisibilidade, são ótimas para o desenvolvimento neuromuscular.

  • Se machucar, contraia, proteja e evite.

Se machucar, relaxe, respire e mova-se normalmente.

  • Movimento e carga são perigosos para as costas.

Movimento e carga deixam as costas mais fortes.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Gráfico de Ben Cormack

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s