Prática

Yoga em casa.

yoga at home

Se você deseja desenvolver sua prática é muito importante começar a fazer Yoga em casa. Para isso é preciso motivação e um espaço que chame você para o mat.

Espaço, para a maioria de nós, é um luxo. Mas se você está pensando em começar a praticar Yoga com regularidade em casa é fundamental contar com um espaço designado para tal fim, com todo o material que você precisa sempre à mão e à disposição. Se você tiver que empurrar um sofá, tirar uma estante do lugar e sair em busca de seu material sempre que se predispor a praticar, sua iniciativa não irá durar muito.

Seu cantinho do Yoga pode ser precisamente isso, um canto com espaço suficiente para você deitar-se e uma parede para se apoiar quando preciso. Não é necessário ter um cômodo inteiro para praticar Yoga. Importante é que seu espaço:

• Seja facilmente acessível e desobstruído, pronto para usar;
• Iluminado e arejado;
• Tenha seu material sempre à mão;
• Esteja livre de distrações.

É fácil começar a praticar Yoga caso você tenha um espaço nestas condições, chamando você para a prática. O peso da obrigação é o início da resistência. Sinta curiosidade, pense no bem-estar que vem com a prática.

• Conscientize-se que você está fazendo uma coisa boa para você mesma.
• Pratique com um amigo, parente ou conhecido. É mais agradável.
• Mantenha anotações sobre os insights que você teve em sua prática naquele dia. O verdadeiro registro de que você tem praticado é seu corpo e sua mente, mas uma anotação às vezes ajuda.

Regularidade é sempre preferível. Se você pode manter o hábito de praticar sempre no mesmo horário será muito mais fácil manter uma rotina. Porém isso nem sempre funciona e a inconstância deve ser respeitada. Flexibilidade é a lei para o corpo e para a mente do Yogue. Vá aos poucos encaixando seus horários de prática (não encare flexibilidade horária como uma licença para não fazer nada).

• Encare sua rotina de forma realista. Existe um horário no qual você pode dedicar à prática?
• Se você não tem um horário consistente, agende dias nos quais você pode praticar.
• Leve em consideração o período do dia. Somos diferentes nos diferentes períodos do dia.

Durante a prática de Yoga, preste atenção à sua respiração; ela deve ser natural e livre de obstruções. Mantenha a garganta desimpedida e permita ao ar fluir naturalmente. É muito fácil esquecer disso quando a prática estiver sendo muito intensa. Respire pelo nariz.

Equipamentos (props)

Hoje em dia, Yoga props podem ser facilmente obtidos em supermercados e lojas de esportes. Na internet você encontra variedade gigantesca de modelos e preços. Em 1930, B.K.S. Iyengar começou usando tijolos e placas de madeira para ajudar aperfeiçoar sua prática. Quando você estiver habituado ao uso de props, não haverá objeto sólido que sobreviva à sua criatividade.

• Mat (tapetinho de Yoga) deve oferecer estabilidade, tração e acolchoamento. Evite tatames de EVA e colchonetes de espuma, muito instáveis e podem machucar seriamente punhos e pescoço em algumas posturas. Desenhe linhas no mat para alinhar seus pés nas posturas.
• Blocos são muito úteis. Listas telefônicas e tijolos devem ser enrolados com jornal amarrados com durex.
• Cintos são excepcionalmente úteis quando você deve segurar seus pés e os músculos posteriores da coxa não deixam você chegar lá. Fivelas significam que você poderá fazer um anel para conectar e unir muita coisa.
• Mantas firmes, para ‘acertar’ os desníveis do corpo na realização das posturas.
Cadeira larga, para acomodar o quadril confortavelmente.
• Um bolster (almofadão) deve ser preenchido com estopa ou pó-de-serra e é muito importante para a realização de posturas restaurativas. Pode ser substituído por um rolo de mantas amarradas.

• Bastões de madeira (como cabos de vassoura) podem  ser muito úteis também, se usados para evidenciar o alinhamento do corpo, por exemplo.

Por que props?

O uso de props não é essencial à prática de Yoga. Seu uso não significa uma admissão de incapacidade. Não se trara de uma bengala ou uma órtese! Os props são usados para ajudar a encontrar equilíbrio e estabilidade na postura. Inicialmente, pense nos props como extensões de seu corpo até que eles se tornem invisíveis para você.